Swiss Re Corporate Solutions divulga guia com precauções para imóveis desocupados ou inativos

As propriedades podem ser desocupadas ou ter suas atividades paralisadas como resultado de uma série de fatores, como encerramento de operações por parte da empresa, crises econômicas, ou greves e distúrbios civis, entre outros. Seja de forma temporária ou permanente, independentemente da causa, um imóvel inativo tem um aumento em sua exposição a perdas por alguns fatores bem específicos. Incêndio e outros danos físicos provocados por ações humanas, normalmente dolosas, como roubo e atos de vandalismo, constituem uma importante preocupação. Além disso, danos ocasionados por eventos climáticos, como inundações, enxurradas e vendavais, também devem ser considerados.


Neste sentido, a equipe deRES – Risk Engineering Servicesda seguradora Swiss Re Corporate Solutions desenvolveu o 'Guia de precauções de segurança para propriedades desocupadas ou inativas', que fornece orientações importantes para mitigar riscos advindos destas situações.


"O guia tem foco emProperty, e sugere precauções e medidas adequadas para locais desocupados ou inativos, independentemente do motivo", destaca Fabio Magalhães, gerente de RES para a América Latina."Muitas empresas podem ter a necessidade de promover o fechamento total ou parcial de suas propriedades. O objetivo deste guia é fornecer orientações técnicas de mitigação de riscos neste difícil momento", finaliza Silvio Steinberg, diretor de Property e Specialty.



Com informação suas decisões são mais seguras.
Agência Seg News @2019 Todos os direitos reservados

Rua Fritz Muller, 140 - São Paulo-SP Cep 02634-080 

WhatsApp: 95794-6570