Agência Seg News - Com informação suas decisões são mais seguras @2019 Todos os direitos reservados

Rua Fritz Muller, 140 - São Paulo-SP Cep 02634-080   -  WhatsApp: 95794-6570   -  Tel 2278-1774

Cedom da CNseg digitaliza apólices que mostram história do seguro no século XIX

13/05/2019

Poucos sabem, mas escravos eram “bens” segurados até a Abolição da Escravatura no Brasil. Em razão de seu fim, dois tipos de seguros ruíram: um para o transporte de escravos pelos navios negreiros e outro por morte natural dos negros. Todos beneficiavam os donos de navios ou senhores de engenho. Parte dessa história, registrada em apólices e documentos digitalizados, pode ser acessada pelo Centro de Documentação e Memória do Mercado Segurador (Cedom) da Confederação das Seguradoras (CNseg). Página virada na história de um setor dos mais engajados em promover a diversidade (não só racial) em seus quadros na atualidade.

 

O Brasil foi um dos maiores mercados do tráfico negreiro e um dos últimos países a abolir a escravidão, à frente apenas de quatro nações (Zanzibar, 1897; Etiópia, 1942; Arábia Saudita, 1962; Mauritânia, 2007). Curiosamente, as seguradoras marítimas especializadas em apólices para navios negreiros ampliaram sua produção de prêmios após a proibição do tráfico de escravos pela Inglaterra, em 1834. Isso porque os preços dos escravos subiram extraordinariamente a partir daí, o que tornava as perdas vultosas em caso de acidentes marítimos, oferecendo riscos à sobrevivência das empresas de transporte.

 

Resultado: os prêmios pelas coberturas subiram a partir de meados do século XIX pelo fato de os escravos terem se tornado uma carga valiosa. Já no caso dos seguros para os escravos nos engenhos, a atuação era cautelosa, já que as companhias cobriam apenas morte natural, comprovada com perícia feita pela seguradora, e essa cobertura valia apenas para negros entre 12 e 45 anos, a mão de obra predominantemente usada pelos senhores rurais. O único legado dessa época é que o seguro por morte de negro inspirou o que hoje é conhecido como seguro de vida.

 

Sobre a CNseg

 

A Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização (CNseg) congrega as empresas que compõem o setor, reunidas em suas quatro Federações (FenSeg, FenaPrevi, FenaSaúde e FenaCap). A missão primordial da CNseg é congregar as lideranças das Associadas, elaborar o planejamento estratégico do setor, colaborar para o aperfeiçoamento da regulação governamental, coordenar ações institucionais de debates, divulgação e educação securitária e representar as Associadas perante as autoridades públicas e entidades nacionais e internacionais do mercado de seguros.

 

 

link para acessar o Cedom

 

http://cedom.cnseg.org.br/wp-content/uploads/2018/05/T4054-BN_Apólice-da-Companhia-Mutua-de-Seguro-de-Vida-dos-Escravos_1860.pdf

 

 

Please reload

Quinzena do Seguro .gif

Autoreguladoras: Susep disponibiliza Consulta Pública até 19 de Fevereiro

January 21, 2020

I Congresso Seg News de Tecnologia e Seguros (I CONSEGTECH) será realizado no La Residence Hotel

January 17, 2020

Declaração de Direitos de Liberdade Econômica: as novas regras se aplicam ao Mercado de Seguros regulado? Quando terão início as mudanças? O que esper...

January 15, 2020

CVG-SP está promovendo Curso de Atuária - Intensivo Férias

January 15, 2020

Bradesco Auto/RE é eleita a ‘Escolha Certa’ no segmento de automóveis pela Proteste

January 15, 2020

Fábio Carbonari inicia programação de eventos da Seg News com Workshop sobre Lucros Cessantes na 5a Feira!

January 14, 2020

MAG Seguros: a nova marca da Mongeral para o Futuro!

January 12, 2020

Workshops de Lucros Cessantes, Análise de Balanços Financeiros e Seguro Garantia serão realizados no Hotel La Residence!

December 30, 2019

STF suspende efeito de MP que extinguiu Seguro DPVAT

December 20, 2019

1/4
Please reload