Sul América obtem lucro líquido de R$ 223,5 mi no 1º trimestre e alta de 58% com apoio do corretor

09/05/2019

Número de corretores parceiros cresce e supera a marca de 36 mil, ampliando a força de distribuição da companhia e contribuindo com o desenvolvimento de novos produtos e serviços - A SulAmérica registrou lucro líquido de R$ 223,5 milhões no primeiro trimestre de 2019, um aumento de 58% em relação ao mesmo período do ano passado. As receitas totais tiveram um crescimento de 10,1%, atingindo R$ 5,3 bilhões, resultado que a companhia atribui, em grande parte, à relação de parceria com os corretores de seguros – neste trimestre, a SulAmérica superou a marca de 36 mil parceiros de negócios em todo o País.
“Concluímos o primeiro trimestre com consistência de resultados e eficiência operacional, que tem sido a marca da companhia nos últimos anos. E não podemos deixar de atribuir esse resultado excepcional àqueles que levam nossos produtos ao consumidor final: os corretores de seguros”, destaca Gabriel Portella, presidente da SulAmérica.
No primeiro trimestre, a seguradora apostou na inovação e anunciou diversos lançamentos focados em seus parceiros de negócios, com o objetivo de oferecer mais conveniência para os corretores, com destaque para as novas funcionalidades do Portal do Corretor e novas opções disponíveis nos cotadores.
“Estamos ao lado do corretor para desenvolver soluções que atendam às suas necessidades e para ouvir as demandas dos clientes, com o objetivo de gerar mais negócios e garantir tranquilidade aos segurados. Neste contexto, investimos continuamente em inovação e tecnologia, com novos produtos e serviços para que os nossos parceiros elaborem uma oferta completa ao consumidor com ampla conveniência e prestação de serviço”, comenta o vice-presidente Comercial da SulAmérica, André Lauzana.

Crescimento em todas as linhas de negócios

Com o trabalho intenso da rede de mais de 36 mil corretores de seguros parceiros, a SulAmérica apresentou crescimento em todas as linhas de negócios: Saúde e Odonto (+12,3%), Vida (+16,1), Previdência (+7,8%), Capitalização (+20,9%) e Gestão e Administração de Ativos (+22,5%). A margem bruta operacional aumentou em 26% no trimestre, totalizando R$ 614,9 milhões, acompanhando o crescimento de receitas e o bom controle de custos e despesas.
O índice combinado do período foi de 97,6%, o melhor resultado para um primeiro trimestre em mais de dez anos, enquanto o índice combinado ampliado, que considera o resultado financeiro, também apresentou melhora, alcançando 94,2%, já refletindo uma taxa Selic estável entre os períodos e um bom desempenho do portfólio de investimentos que nesse período apresentaram retorno de 122,3% do CDI.
As operações de seguro saúde e odontológico apresentaram forte desempenho, com redução no índice de sinistralidade e crescimento no número de beneficiários. As receitas operacionais do segmento atingiram R$ 4,2 bilhões, alta de 12,2% no período. A margem bruta cresceu 35,5% na comparação com o 1T18, refletindo o aumento de receitas e a menor sinistralidade no período, que caiu 1,7 p.p. na comparação com o primeiro trimestre do ano anterior. A carteira de planos coletivos atingiu 3,4 milhões de segurados (+10,9%), reflexo de um acréscimo de 333 mil vidas na comparação com o 1T18.
A operação de seguros de automóveis continuou apresentando resultados positivos, que vem se repetindo desde a implementação de novas ferramentas e dos processos de subscrição, somados a um contexto mais positivo na venda e licenciamento de veículos novos. A sinistralidade do segmento apresentou bom desempenho, com um ganho de 2,5 p.p. na comparação com o mesmo período do ano anterior, enquanto a margem bruta cresceu 27%, totalizando R$ 149,2 milhões. A frota segurada continua em crescimento, atingindo 1,6 milhão de veículos, resultado 8,9% superior ao registrado no 1T18, embora a receita do trimestre tenha decrescido 1%, fruto da melhoria de risco apresentada, que também foi capturado pelo mercado e que se reflete em menores prêmios médios em comparação ao período anterior.
Em relação aos seguros massificados (empresariais, residenciais e para condomínios), as receitas operacionais totalizaram R$ 45,9 milhões no 1T19, ganho de 2,9% em relação ao mesmo período de 2018. A sinistralidade da carteira teve uma piora de 7,3 p.p. na comparação anual, motivada pelo período de fortes chuvas em algumas regiões.
As receitas operacionais do segmento de vida e acidentes pessoais atingiram R$ 118,9 milhões, 16,1% superior em relação ao ano anterior, acompanhando principalmente os crescimentos nos produtos de seguro viagem e prestamista.
As reservas de previdência privada tiveram alta de 13,9% na comparação com 1T18, alcançando R$ 7,3 bilhões. Já as receitas operacionais apresentaram aumento de 7,8% no trimestre, resultado do aumento do produto VGBL (+20,5%), que mais do que compensou as reduções nos produtos tradicional (-16,6%) e PGBL (-5,2%).
Já no segmento de gestão de ativos, a SulAmérica manteve posição de destaque, com um volume total R$ 40,8 bilhões de ativos sob gestão (alta de 6,1%). As receitas operacionais apresentaram uma expansão de 22,5%, somando R$ 13,5 milhões, elevando em 21,6% a margem bruta em relação ao 1T18.
A operação de capitalização obteve receitas de R$ 15,9 milhões, alta de 20,9%, e uma margem bruta 67,4% superior ao mesmo período do ano passado. O desempenho foi impulsionado principalmente pelo principal produto dessa linha de negócios, o SulAmérica Garantia de Aluguel, líder neste segmento.

 

Sobre a SulAmérica

 

Atuando há 123 anos no mercado segurador brasileiro, a SulAmérica se tornou a maior seguradora independente do País com mais de sete milhões de clientes, com rede de distribuição com mais de 36 mil corretores independentes e com cobertura geográfica em expansão. A companhia possui 5,2 mil funcionários e atua em linhas de seguros, como saúde e odontológico, automóveis e outros ramos elementares, vida e acidentes pessoais, além de outros segmentos, como previdência privada, investimentos e capitalização. 

 

Foto: Gabriel Portella, presidente da SulAmérica.

Please reload

Quinzena do Seguro .gif

Autoreguladoras: Susep disponibiliza Consulta Pública até 19 de Fevereiro

January 21, 2020

I Congresso Seg News de Tecnologia e Seguros (I CONSEGTECH) será realizado no La Residence Hotel

January 17, 2020

Declaração de Direitos de Liberdade Econômica: as novas regras se aplicam ao Mercado de Seguros regulado? Quando terão início as mudanças? O que esper...

January 15, 2020

CVG-SP está promovendo Curso de Atuária - Intensivo Férias

January 15, 2020

Bradesco Auto/RE é eleita a ‘Escolha Certa’ no segmento de automóveis pela Proteste

January 15, 2020

Fábio Carbonari inicia programação de eventos da Seg News com Workshop sobre Lucros Cessantes na 5a Feira!

January 14, 2020

MAG Seguros: a nova marca da Mongeral para o Futuro!

January 12, 2020

Workshops de Lucros Cessantes, Análise de Balanços Financeiros e Seguro Garantia serão realizados no Hotel La Residence!

December 30, 2019

STF suspende efeito de MP que extinguiu Seguro DPVAT

December 20, 2019

1/4
Please reload

Agência Seg News - Com informação suas decisões são mais seguras @2019 Todos os direitos reservados

Rua Fritz Muller, 140 - São Paulo-SP Cep 02634-080   -  WhatsApp: 95794-6570   -  Tel 2278-1774